Santos – O Santos terá uma novidade no jogo de hoje contra o Paraná, em Curitiba: a estréia do centroavante Val Baiano, que até a semana passada atuava no Grêmio Maringá. Leão optou por ele depois que Marcelo, que participou de todo o coletivo, acabou se contundindo nos últimos minutos do treinamento e perdeu a oportunidade de estrear na equipe santista.

No trabalho de ontem, o técnico procurou corrigir os defeitos que vem observando em seu time, especialmente o posicionamento da defesa e do meio-de-campo, que têm aberto espaço para o aproveitamento dos adversários.

“Não podemos cometer erros para que os adversários não os usem com sucesso.” Na opinião do treinador, seu time teve uma boa performance contra o Atlético-MG. “Teve uma boa conduta de recuperação e depois entregou”, disse ele, lamentando o empate de quarta-feira.

Com a escolha de um centroavante de ofício, Leão mexeu o menos possível no time, que não terá Robinho, Nenê e Júlio César, suspensos.

Assim, Elano volta a atuar na meia, com liberdade para avançar mais.

Elano treinou na meia e, com a contusão de Marcelo, chegou a pensar que voltaria a jogar como centroavante, mas depois foi informado que Leão havia optado por Val Baiano. “Treinei no meio-de-campo e não tem problema algum”, disse o atleta. “Estou à vontade para fazer as várias funções, estou me acostumando com isso, o que está sendo útil para mim e para a equipe.”