A vitoriosa equipe do Unilever possui vários títulos da Superliga de Vôlei, estaduais e foi campeã sul-americana neste ano, mas ainda não foi em 2013 que o time dirigido por Bernardinho alçou voos mais altos. Neste domingo, o time do Rio perdeu a decisão do Mundial de Clubes para o VakifBank Istanbul, da Turquia, por 3 sets a 0, com parciais de 25/23, 27/25 e 25/16, em 1 hora e 25 minutos.

As duas equipes já haviam se enfrentado na fase de grupos do Mundial, realizado em Zurique, na Suíça, e o time turco indicara que a equipe brasileira teria dificuldades na decisão ao derrotá-la por 3 sets a 1. E, neste domingo, o time turco confirmou a sua supremacia.

A conquista deste domingo é apenas mais uma na série de vários títulos da equipe de Istambul, atual campeão europeia, turca e da Copa da Turquia. Assim, na final deste domingo, alcançou a 51ª vitória consecutiva.

O Unilever ainda ofereceu resistência nos dois primeiros sets, mas não conseguiu manter o ritmo na terceira parcial, facilmente vencida pela equipe turca. A sérvia Jovana Brakocevic foi a principal pontuadora da partida, com 23 pontos para as campeãs mundiais. Já Ana Carolina fez 12 pontos para o time do Rio.

Após o vice-campeonato no Mundial, o Unilever volta as suas atenções para a Superliga, torneio em que é o atual campeão.