O acerto com Toscano propiciou à diretoria paranista um fôlego maior na busca por um centroavante. O Paraná deverá contratar apenas mais dois jogadores antes da largada da Série B: um lateral-direito e um atacante de velocidade.

Isso porque ontem foram confirmadas as chegadas do zagueiro Aislan e do meia Wanderson. Os dois foram contratados com o aporte financeiro da Amaral Sports. Aislan, 22 anos, era visto como uma grande promessa no São Paulo.

O jogador chegou ao Morumbi em 2004, indicado pelo ex-zagueiro do tricolor paulista e da seleção, Oscar. Paranaense de Realeza, Aislan fez a sua primeira partida como titular da equipe em 2008, num jogo contra o Atlético, na Arena.

Porém, diante do número elevado de zagueiros contratados pelo São Paulo, ele não teve muitas oportunidades e em janeiro rescindiu seu contrato. “No início do ano, tentamos a sua contratação, mas ele ainda estava resolvendo essa pendência”, explicou o diretor de futebol Guto de Mello.

Confirmou ainda que o auxiliar-técnico do São Paulo, Milton Cruz – amigo pessoal de Marcelo Oliveira -, e o preparador físico Carlinhos Neves passaram ótimas informações sobre o atleta. “Será um jogador muito útil nessa nossa caminhada na Série B”, disse Guto.

Com a chegada de Aislan, o Tricolor “fecha” o seu setor defensivo. O zagueiro será apresentado hoje pela manhã, ao lado de Wanderson, 29 anos. O meia, que já atuou no futebol mexicano, disputou o campeonato mineiro pelo Democrata de Governador Valadares e foi indicado pelo técnico Marcelo Oliveira.