A primeira bateria na manhã desta sexta-feira (horário local), no Havaí, definiu os dois surfistas que entrarão na chave principal do Pipe Masters, última etapa do circuito mundial de surfe. No duelo de havaianos na triagem, avançaram Reef McIntosh e Makai McNamara. Jamie O’Brien, um dos maiores especialistas nas ondas de Pipeline e favorito à vaga, ficou no caminho, ao lado de Hank Gaskell.

Agora, os dois classificados terão uma missão um pouco mais complicada, porque terão de enfrentar os dois melhores do ranking mundial logo na primeira rodada, provavelmente ainda nesta sexta-feira. Reef McIntosh está na bateria do brasileiro Gabriel Medina e do australiano Dion Atkinson. Já Makai McNamara vai encarar o australiano Mick Fanning e o espanhol Aritz Aranburu.

O critério usado para definir os adversários dos candidatos ao título foi o ranking mundial da divisão de acesso. Como Reef é pior colocado do que Makai, enfrenta o primeiro do ranking da elite – no caso, Medina. Vale lembrar que nessa primeira fase, três atletas entram no mar em cada bateria e só o primeiro avança para a terceira fase. Os dois perdedores vão para uma repescagem.

Tricampeão mundial do surfe, Fanning está em segundo lugar no ranking e é a maior ameaça para Medina, que busca um troféu inédito para o Brasil. O terceiro e último candidato ao título é o norte-americano Kelly Slater, que tem o recorde de 11 títulos mundiais.