São Paulo – O técnico Cuca, que proibiu seus jogadores de exagerarem na farra, principalmente às sextas-feiras, não deverá ter muito trabalho para fiscalizá-los. Logo no dia seguinte ao anúncio da cartilha, a Torcida Independente divulgou em seu site nota na qual critica o comportamento do atacante Diego Tardelli. Segundo a uniformizada, o jogador teria sido visto no Splash, um bar localizado na Penha, acompanhado do corintiano Abuda e do palmeirense Lúcio. O mais grave, na opinião dos torcedores, é que o episódio ocorreu justamente no dia em que o clube perdeu o título da Copa São Paulo de Juniores para o Corinthians.

Tardelli, por sinal, jogou mal, perdeu duas ótimas oportunidades de gol e o time do Morumbi acabou derrotado por 2 a 0. O atacante, que está morando no Centro de Treinamento por imposição da diretoria, negou-se a atender à imprensa. Por meio da assessoria, ele negou o fato. Vários de seus colegas sabem que, muitas vezes, seu comportamento deixa a desejar. Os dirigentes, que já estão irritados com seus atos de indisciplina, vão investigar o caso.

Luís Fabiano, que ontem anunciou contrato de um ano com a empresa de material esportivo Penalty, disse que vai pegar no pé de quem desobedecer as normas da cartilha de Cuca. “Vou vigiar. Quem sair da linha vai se ver comigo”, garantiu.

De saída

Gustavo Nery confirmou que não vai permanecer no Morumbi após o término de seu contrato, em julho. Espera transferir-se para a Europa.