A morte de grande parte do elenco, comissão técnica e diretoria da Chapecoense no acidente aéreo no início da madrugada desta terça-feira (29), na Colômbia, chocou o mundo do futebol. Nas redes sociais, a mobilização é muito grande de vários clubes e de torcedores, independentemente das cores e da preferência. Um grupo lançou uma ideia para ajudar a reerguer o time catarinense e também as famílias das 71 vítimas da tragédia envolvendo a equipe do Oeste catarinense.

A ideia de um torcedor é de que as pessoas, muito mais do que prestarem sua solidariedade à Chapecoense, possam contribuir se associando ao clube catarinense. Os valores mensais, segundo o post, variam de R$ 16 a R$ 185 por mês e a associação pode ser realizada através do site www.chapecoense.com/2016/associese.

“Você pode fazer mais do que um post pela Chape. Depois da tragédia, o clube vai continuar existindo e vai precisar se reerguer, inclusive para dar apoio e suporte às famílias e outros jogadores.Se você entrar no site, vai ver que os planos de sócio torcedor do clube variam de R$ 16,00 a R$ 185,00 mensais. Isso aí, com o dinheiro de um almoço você pode fazer algo pelo time. Se o Brasil está com a Chape, imagina isso aí multiplicado por milhões”, diz o texto.

A ideia já teve centenas de compartilhamentos e, assim, a Chapecoense, neste momento complicado, deverá ganhar novos associados, o que vai ajudar o clube financeiramente depois desta tragédia que chocou o mundo do futebol.