Os velejadores brasileiros Torben Grael e Marcelo Ferreira conseguiram nesta sexta-feira manter a liderança do Sul-Americano da classe Star, que é disputado no Rio. Na única regata do dia, eles conseguiram a segunda colocação, atrás apenas dos suíços Flavio Marazzi e Enrico de Maria.

Na última quinta-feira, quando aconteceu o primeiro dia de disputa do Sul-Americano, Torben e Marcelo conseguiram o quinto lugar nas duas regatas realizadas. E, com isso, eles mostraram que, mesmo depois de dois anos sem reunir a dupla, continuam com a mesma categoria que já os levou ao bicampeonato olímpico.

A previsão é de que fossem realizadas duas regatas nesta sexta-feira, mas a falta de vento provocou o cancelamento da segunda. Neste sábado, os barcos voltam para a água, sendo que o Sul-Americano acaba no domingo – o campeonato serve como prévia do Mundial de Star, que acontecerá em janeiro, também no Rio.

“Não chegamos nem na metade da competição e temos muitas regatas pela frente”, disse Torben, ao comentar sobre a liderança do Sul-Americano. “Na saída escolhemos o lado certo, o que nos ajudou. Para a segunda regata do dia, o mar estava vazando forte e atrapalhava. Para nós, o cancelamento acabou ajudando.”

Outras duas duplas brasileiras estão entre as melhores do Sul-Americano de Star. Lars Grael e Ronald Seifert ocupam o quarto lugar na classificação do campeonato, enquanto Robert Scheidt e Bruno Prada aparecem na 10ª colocação.