O alemão Timo Glock, da Toyota, deixou o hospital nesta segunda-feira (21), um dia depois do forte acidente que sofreu na 35ª volta do GP da Alemanha.

O piloto perdeu o controle do carro após uma quebra na suspensão traseira, e bateu no muro interno da reta principal do circuito de Hockenheim.

Glock passou a noite no hospital como medida de precaução, mas não se feriu, apesar da violência do impacto. O alemão afirmou que pretende voltar às pistas ainda nesta semana, durante os testes coletivos da categoria no circuito de Jerez de la Frontera, na Espanh.