São Paulo – Dois amistosos contra a Bulgária, em Varna, dias 30 e 31, colocarão a seleção brasileira masculina de vôlei pela primeira vez em quadra na temporada olímpica. O grupo do técnico Bernardinho embarca hoje para a Europa, tentando conseguir ritmo de jogo para a estréia do Brasil na Liga Mundial, contra a Grécia – serão duas partidas, dias 4 e 6 de junho, na cidade de Larissa. O torneio distribui US$ 15 milhões em premiação.

Começamos tarde a nossa preparação. Os gregos já estão treinando há mais tempo do que nós e fizeram amistosos contra a Austrália. Temos de aproveitar os amistosos contra a Bulgária para observar em qual estágio nos encontramos, afirmou Bernardinho.

Nessa edição da Liga Mundial, a seleção brasileira defenderá o título conquistado no ano passado. O Brasil está no grupo A, ao lado de Grécia, Espanha e Portugal. França, Bulgária Japão e Polônia formam a chave B. E a C tem Itália, China, Cuba e Sérvia e Montenegro.

Os times jogarão a fase de classificação em seis fins de semana – três em casa e três fora. Em cada rodada farão duas partidas contra o mesmo adversário. A melhor seleção de cada chave vai à final, em Roma, de 16 a 18 de julho – a Itália, como organizadora, tem vaga garantida.