Belo Horizonte – Em sua despedida temporária do Corinthians, o argentino Carlos Tevez foi o personagem do jogo. Pelos pés dele, de pênalti, saiu o único gol da partida, no 1 a 0 sobre o Atlético-MG, no Mineirão. Levou dois cartões amarelos e foi expulso, mas foi, de qualquer forma, responsável direto pela terceira vitória seguida do time. Amanhã se apresenta à seleção argentina, pela qual disputa as Eliminatórias da Copa do Mundo de 2006 e a Copa das Confederações. Se tudo correr bem, será visto no Parque São Jorge somente no início de julho.

A imperícia do zagueiro Adriano foi decisiva para o gol corintiano. Ele cometeu pênalti em Tevez. O argentino bateu e marcou.