Teliana Pereira.

A menina do sertão chegou lá. Teliana Pereira venceu, nesse sábado, a Copa Bras-Onda no Graciosa Country Clube, em Curitiba, e ganhou a segunda das três vagas do tênis feminino brasileiro nos 15.º Jogos Pan-Americanos de 2007. Em um jogo equilibradíssimo, que mostrou o alto nível técnico das duas atletas, a garota, de 18 anos, venceu a carioca bicampeã Pan-Americana, Joana Cortez, por 2×1, parciais de 6/4, 2/6 e 7/5.

Teliana Pereira nasceu no interior de Pernambuco, mudou ainda criança para Curitiba, onde aprendeu a jogar e iniciou as conquistas da carreira. Hoje, mesmo vivendo em Itajaí, Santa Catarina, onde treina no Instituto Tênis, a atleta conta com o carinho o apoio da torcida paranaense. Foi com esse incentivo e o sonho de representar o Brasil no Pan que a jogadora conseguiu superar os momentos mais difíceis do jogo, como no terceiro set, quando começou atrás no placar; ou quando sentiu a pressão de estar prestes a vencer. Ela abriu 5×4 e permitiu a reação de Cortez, que empatou em 5×5. Mas, a tenista mostrou mais uma vez que tem raça, além de jogo, e buscou o resultado, ganhando de 7/5.

?Quero agradecer à torcida, que sempre me acompanhou e desde o primeiro dia me deu força para chegar até aqui. Podem ter certeza de que vou dar tudo para trazer uma medalha para o Brasil neste Pan?, falou Teliana, que completará 19 anos no dia 20 de julho, durante os jogos no Rio – a chave feminina acontece de 18 a 23. ?Posso não ser a número um do mundo, mas por tudo que já passei na vida, hoje estou totalmente realizada?.

Teliana nem terá tempo de comemorar, porque embarca hoje mesmo para a Europa, ao lado de Fernanda Hermenegildo e o técnico Didier Rayon, para a disputa de cinco torneios antes de retornar para a disputa do Pan-Americano: quatro de US$ 25 mil e um de US$ 100 mil.