Mike Krzyzewski, ou simplesmente o ‘Coach K’, vai deixar o comando da seleção norte-americana masculina de basquete após os Jogos Olímpicos do Rio, quando mais um Dream Team dos EUA será candidatíssimo à medalha de ouro. O treinador, que trabalha na Universidade de Duke, revelou sua decisão nesta segunda-feira à ESPN norte-americana.

“É isso, definitivamente é isso”, disse Krzyzewski, de acordo com o site do canal. “Eu acho que é hora de seguir em frente. Durante a próxima temporada, teremos uma série de decisões para serem tomadas a respeito do futuro da USA Basketball, incluindo a Olimpíada e a comissão técnica”, disse ele.

O Coach K, de 68 anos, comandou a seleção dos EUA nos Jogos Pan-Americanos de 1987 e foi assistente nos Jogos Olímpicos de 1992. Em 2005, assumiu posto como técnico efetivo da equipe, levando a equipe a dois títulos olímpicos (2008 e 2012) e dois mundiais (2010 e 2014). Também ganhou a Copa América de 2007, única disputada pelos EUA no período.

Agora, ele quer deixar um sucessor. “Tem que haver uma sucessão, uma sucessão planejada com pessoas realmente boas, assim podemos manter a continuidade do programa que está sendo aplicado”, argumentou o técnico, que só perdeu um jogo à frente dos EUA, frente à Grécia, na semifinal do Mundial de 2006. Até aqui, são 75 vitórias.

À frente da Universidade de Duke, Krzyzewski soma cinco título da NCAA, a liga norte-americana universitária. Na temporada passada, alcançou sua mais recente conquista.