enkontra.com
Fechar busca

De Letra

TCE quer unificação dos orçamentos das obras da Arena

Por isso, os poderes municipal e estadual estão atendendo a essas medidas

  • Por Luiz Ferraz

Além da unificação dos orçamentos das obras de remodelação e ampliação da Arena da Baixada, o TCE-PR fez outras exigências para liberar as parcelas seguintes do financiamento realizado junto ao BNDES. Por isso, os poderes municipal e estadual, nos deveres que lhes competem, estão atendendo a essas medidas. Por isso, ontem à tarde, os dois organismos se reuniram e definiram que os títulos de potencial construtivo, no valor de R$ 30 milhões referentes ao adiantamento feito pela Fomento Paraná à CAP S/A antes mesmo do clube receber as parcelas do financiamento do BNDES, serão colocados à venda.

Esta foi umas das exigências feitas pelo Tribunal de Contas do Paraná (TCE-PR) para que novas parcelas do financiamento possam ser repassados pela Fomento Paraná à CAP S/A. De acordo com o diretor institucional da Fomento Paraná, Alexandre Teixeira, a comercialização desses títulos de potencial construtivo deveria ter começado em 2010. “Faz parte da contrapartida do município. Está sendo atendida a exigência do Tribunal de Contas para que o repasse das parcelas seja desbloqueado. A Fomento Paraná está cumprindo o que determinou o TCE”, afirmou.

A última vez que recebeu uma parcela do financiamento do BNDES foi no final de junho, quando R$ 26,2 milhões chegaram aos cofres da CAP S/A. Entretanto, um novo montante, a partir de agora, só chegará aos cofres do clube com o aval do TCE-PR. O organismo estadual informou que segue a ordem do mês passado, quando foram divulgados os pedidos de adequação do projeto e que um novo relatório só será entregue no final de setembro.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

6 Comentários em "TCE quer unificação dos orçamentos das obras da Arena"


Edson Curitiba Pr
Edson Curitiba Pr
5 anos 1 dia atrás

Esse TCE é aquele para o qual o Fabio Camargo foi eleito, portanto é bastante respeitado perante a opinião publica, inclusive o mesmo foi o que conduziu a CPI da COPA e tudo ficou bastante esclarecido e todos passaram a seguir conforme cronograma.

ramiro williams
ramiro williams
5 anos 1 dia atrás

Quem fica inelegível por oito anos e com os bens bloqueados é o Adm público. O privado tem contratos que estão rigorosamente sendo cumpridos, até com mais do que lhe cabe. Essa é a diferença entre os poíticos mutreteiros e o profissional competente.

ramiro williams
ramiro williams
5 anos 1 dia atrás

A parte que cabe ao Atlético com juros contratuais de 1,9aa já está garantida. Esta soma aplicada no mercado financeiro se paga sozinha. E as obras de mobilidade? Se vai ter Copa ou não, problema não é do Atlético. Com a palavra TCE, PMC e Gov-Pr!

o mais vitorioso do Brasil
o mais vitorioso do Brasil
5 anos 1 dia atrás

Em Curitiba vai ter copa ……………….. porem na casa do Petralia,, vai ter copa, sala , cozinha , banheiro etc…….

Airton Urias
Airton Urias
5 anos 1 dia atrás

fico indignado. os porcos estão devendo quase 200 milhões pro governo pq nós é que temos que ser os honestos da historia e pagar Tem que pegar e processar o governo Municipal e Estadual ou manda a continha pra eles pagarem.
tem que pagar nada nao

wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas