enkontra.com
Fechar busca

De Letra

esportes

Tardelli garante estar no auge e diz realizar sonho de ser comandado por Renato

  • Por Estadão Conteúdo

Principal contratação do Grêmio para esta temporada, o atacante Diego Tardelli foi oficialmente apresentado nesta quarta-feira, após o treino da equipe no CT Presidente Luiz Carvalho. Sem medo de chamar a responsabilidade para si, o jogador disse que quer entrar para a história do clube e garantiu estar “no auge”, mesmo aos 33 anos.

“Considero que estou no auge da minha carreira. Sei que muita gente acha que com essa idade não vou correr tanto, mas me sinto um garoto ainda, como se tivesse 19 anos. Estou bem focado. Quero deixar meu nome na história do Grêmio, ganhar títulos, que é o mais importante. Vim para vencer e conquistar grandes coisas”, declarou.

Tardelli chega após quatro anos atuando no futebol chinês, pelo Shandong Luneng. Um dos nomes mais desejados da janela de transferência, foi cobiçado por clubes como Atlético-MG, onde é ídolo, e Corinthians, mas escolheu o Grêmio, muito em função da possibilidade de trabalhar com Renato Gaúcho.

“É um namoro bem antigo. Acredito que desde 2010 eu tenho esse contato com o Renato. Tinha o sonho de ser treinador por ele, ainda mais em uma equipe como o Grêmio, pelo jeito que vem jogando nos últimos anos. Estou feliz por esse momento, espero corresponder à torcida, presidente e clube, por todo o esforço que fizeram para me trazer”, comentou.

O atacante ainda revelou que Renato foi “persistente” na tentativa de contratá-lo. “Acho que pesou mais o interesse dele, a persistência, me ligando, mandando mensagem toda hora. Perguntava: ‘E aí, resolveu? Vai vir?’, daquele jeito dele. De todos os clubes que tiveram interesse e sondagens, o Grêmio, e principalmente o Renato, foi o que mais me quis aqui.”

Apesar da empolgação pela chegada, Tardelli admitiu ainda estar um pouco distante da estreia. “A parte física vai demorar alguns dias ainda, meu último jogo foi em 30 de novembro. Nas férias, a gente dá aquela corridinha, mas não é um treino intensivo como no clube. Amanhã, vamos conversar com o preparador físico e estipular um tempo para eu voltar. Meu porte físico ajuda, magrinho, então é mais fácil de adquirir a forma física.”

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas