enkontra.com
Fechar busca

De Letra

Taça Paraná de Vôlei premia os campeões

  • Por Nelson Comel, Cma

Chegou ao fina nessa segunda-feira a 9.ª edição da taça Paraná de Vôlei, realizada em Curitiba desde quinta-feira. Depois de mais de 260 partidas, foram reveladas as melhores equipes nas categorias disputadas.

Rio de Janeiro ficou com dois títulos, Rio Grande do Sul também levou dois títulos, Minas Gerais e Santa Catarina ficaram com um título. O Paraná, depois de muitos anos, ficou sem representante no lugar mais alto do pódio.

No mirim feminino, o título veio depois de cinco sets. Niterói (RJ) venceu Fluminense(RJ) e ficou com o título. Tijucas Tenis Clube (RJ) venceu o Flamengo (RJ) e ficou com o terceiro lugar.

No mirim masculino, EVEP/Timbo (SC) na sua primeira participação na Taça Paraná, ficou com o título ao vencer o CMP/Dom Bosco (PR) na final. ADV/Jaraguá do Sul (SC) venceu Associação Mauá (SP) e ficou em terceiro.

Já pelo Infantil feminino, Sogipa(RS) venceu a final contra o Sion/Nutry (PR) e ficou com o título da categoria. Na disputa do terceiro lugar, Minas Tênis Clube (MG) venceu Grajaú Tênis Clube (RJ).

No Infantil masculino, os cariocas do Niterói levaram a melhor contra os gaúchos da Sogipa na final e ficaram com o título. Na disputa do terceiro lugar, mais uma vez os cariocas do Botafogo levaram a melhor, desta vez contra os gaúchos da Ulbra.

Na categoria Infanto-Juvenil Feminino, o Positivo(PR) não conseguiu segurar a força da equipe Languirú/Martin Luther/Avates (RS) que ficou campeã. Sion/Nutry (PR) também perdeu o terceiro lugar para Minas Tênis Clube (MG).

No Infanto-Juvenil masculino, Minas Tênis Clube (MG) derrotou CMP/Dom Bosco (PR) e ficou com o título. Na disputa do terceiro lugar, Erasto/Trans Isaak (PR) venceu a Ulbra (RS) e conseguiu mais uma boa colocação às equipes paranaenses.

Segundo avaliou o presidente da Federação Paranaense de Voleibol, Neuri Barbieri, a Taça Paraná é uma das competições mais bem organizadas do Brasil e serve de exemplo do sucesso do voleibol do Brasil: “É o trabalho dos técnicos das equipes de base que fazem do Brasil um celeiro do voleibol. O sucesso das seleções só acontece por causa do esforço de cada treinador, de cada dirigente que acredita no voleibol brasileiro,” finalizou Neuri.

Segundo Josmar Coelho, organizador do evento, ano a ano a Taça Paraná vem conquistando um reconhecimento maior pela qualidade técnica das equipes e sucesso do evento: “Esse ano tivemos equipes na lista de espera para participar da Taça Paraná. Estamos estudando para o próximo ano, na 10.ª Edição, o aumento de algumas categorias. Certamente em 2010 a Taça Paraná será maior.”

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas