Atual bicampeão da Stock Car, Cacá Bueno registrou o melhor tempo nesta sexta-feira (11), no primeiro dia de treinos da etapa de abertura da 30ª temporada da categoria, em Interlagos, São Paulo. Mas uma das atrações do fim de semana está programada para acontecer neste sábado (12), com a sessão de definição do grid de largada.

O novo formato faz com que a parte final da sessão de classificação reúna apenas os seis mais velozes num sistema de minicorridas, com dois a dois na pista. A maioria dos pilotos, no entanto, classificou o treino como "confuso", apesar de apoiarem a tentativa de tornar a disputa mais emocionante.

Assim, nesta sexta-feira (11), estudar as regras da nova classificação parece ter sido mais importante do que compreender o resultado das duas sessões de treinos livres. Neste sábado (12), os pilotos da Stock Car entram direto na tomada de tempo para o grid, entre 11h25 e 12h55, já que pela manhã não treinam.

No treino, os 34 pilotos que participam da prova vão para a pista nos primeiros 30 minutos. Os 15 mais velozes passam para a fase seguinte – os que não se classificaram largarão, no domingo, de acordo com seus tempos, do 16º ao 34º lugares. Depois, a segunda parte da sessão tem 20 minutos e seleciona os seis mais rápidos – os restantes largam conforme sua colocação nessa seção.

O que vem a seguir é que já gera discussão: o piloto que registrou o sexto tempo disputa com o mais veloz uma corrida de duas voltas. O autor do segundo tempo enfrenta o que terminou em quinto e o terceiro corre com o quarto. Os vencedores garantem os três primeiros lugares no grid, de acordo com a melhor soma de tempo nas duas voltas da minicorrida. E os perdedores largam de quarto a sexto, pelo mesmo critério.

"Parece uma gincana escolar. Corre-se risco desnecessário", disse o veterano piloto Ingo Hoffmann, que já foi 12 vezes campeão da Stock Car. "Prefiro o sistema da Fórmula 1, com todo juntos na última parte e sem limite de voltas", comentou Ricardo Mauricio. Marcos Gomes, melhor estreante em 2007, também falou: "Vamos testar algo nunca visto. Como é proibido trancar para manter a posição, será possível ultrapassar".