O Paraná Clube terá mesmo que disputar a Divisão de Acesso do Paranaense em 2012. As esperanças do Tricolor acabaram nesta terça-feira (22), pois o Supremo Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) absolveu, por unanimidade, o Rio Branco de Paranaguá por nove votos a zero.

O alvirrubro do litoral havia sido rebaixado pelo Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) pela escalação irregular de um atleta em seis partidas. Com esta decisão, o time parnanguara recupera os pontos que haviam sido tirados e irá disputar a Série A em 2012.

De acordo com o relator do processo, Francisco Mussnich, a falha do Leão da Estradinha não justificava a perda dos 22 pontos. Com isso, os demais auditores também votaram a favor da absolvição do clube do litoral. Em entrevista coletiva, o vice-presidente do Paraná Clube, Aramis Tissot, confessou que foi justo o resultado. “Merecemos cair”, limitou-se o dirigente.