Rio de Janeiro – ?Só a vitória interessa para continuarmos na disputa pelo título.? O resumo é do piloto paranaense Rodrigo Sperafico, referindo-se à 11.ª e penúltima etapa do brasileiro de Stock Car, que acontece domingo, no Autódromo Internacional Nelson Piquet, em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro.

Rodrigo é o terceiro colocado na tabela, com 242 pontos, e um dos quatro sobreviventes na disputa pelo título. Para garantir a taça, Sperafico terá de superar Cacá Bueno, líder do campeonato, que está 30 pontos à sua frente, e o vice-líder, Thiago Camilo, que possui uma vantagem de 25 pontos. Atrás de Rodrigo e com chances mais remotas está Felipe Maluhy, com 227. ?Buscarei repetir a vitória conquistada em Tarumã para não depender do resultado dos meus concorrentes. É importante entrar bem na pista já desde os treinos livres e depois é preciso ficar atento às condições do traçado?, afirmou o paranaense nascido na cidade de Toledo.

Ano passado, o Autódromo de Jacarepaguá passou por uma grande reforma para a realização dos Jogos Pan-Americanos. Agora, a pista conta com apenas 3.336 metros, ficou mais estreita e possui somente uma curva de alta, seguida por outra bem fechada. Diferente de muitos pilotos da categoria que desaprovaram a mudança, Sperafico diz que prefere o novo traçado. ?Mesmo com a diminuição, gosto muito mais do circuito como ele é hoje. Acho que no antigo as corridas eram monótonas?, explicou.

Zonta

Não é apenas a briga pelo título da Stock Car que será atração na penúltima etapa da temporada. A disputa pelas 16 vagas das equipes que farão parte do campeonato de 2008 é ainda mais equilibrada e envolve boa parte dos pilotos do grid, incluindo alguns chegados da F1 neste ano, como Ricardo Zonta. ?Por enquanto, estamos dentro do grupo que se classifica, mas precisamos de mais pontos se quisermos ficar tranqüilos para a etapa final, em São Paulo. É com esse objetivo que eu e o Pedro vamos para a pista neste final de semana?, comentou Zonta.

Tarso

Foi em Jacarepaguá, com apenas sete etapas na categoria, que Tarso Marques conquistou em 2006 sua primeira vitória na Copa Nextel Stock Car. O curitibano, que teve um bom início de ano, vencendo inclusive mais uma prova (em Campo Grande), sofreu com os inúmeros toques que levou e que o tiraram da disputa do playoff. Desde então, o carro do piloto não vem rendendo o esperado. ?O Rio me traz boas recordações. Porém, estou bastante apreensivo para que resolvam o problema do meu carro. Caso contrário, o resultado não virá, não importa a pista?, comentou.

Os treinos livres terão início hoje, a partir das 10h30. No sábado, os competidores definem o grid de largada para a corrida de domingo, que acontece às 11h.