Sucesso de público e crítica. Assim foi o primeiro dia de competições da segunda etapa do Circuito Nescau Radical em Curitiba, quando mais de 130 atletas, das modalidades de bike BMX, skate e patins in-line tomaram conta da pista montada na Praça Oswaldo Cruz, em Curitiba, para apresentar manobras alucinantes e levar ao delírio os quase quatro mil aficcionados que invadiram as arquibancadas do Complexo Poliesportivo Dirceu Graeser.

Com programação intensa, ontem foram definidos os semifinalistas que hoje voltam a se enfrentar nas provas de street e vertical nas três modalidades. No skate vertical, o favoritismo recai sobre o curitibano Daniel “Gordo” Arcifa, que no ano passado conquistou o título brasileiro amador, disputado em São Paulo. Mas Daniel não terá facilidades. Terá que superar Marcelo Bastos (SP) e Jefferson Bill (MG), que chegaram botando banca e prontos para estragar a festa da torcida local. O skate amador vai reunir 50 competidores distribuídos entre as quatro categorias de base (amador 1 e 2, feminino e iniciantes).

O patins in-line não terá muitos competidores, mas segue como uma das modalidades que integra o programa do circuito mais como forma de fomentar novos competidores.

Mas é na bike, categoria street, que o bicho vai pegar. Estarão na pista montada na Oswaldo Cruz alguns dos melhores competidores do Brasil, correndo atrás dos R$ 4 mil que serão distribuídos aos primeiros colocados. São 22 feras que prometem levar o público ao delírio. Na modalidade amador, com 27 inscritos, a competição promete ser acirrada, principalmente pela garotada vendo de perto seus ídolos competindo. Muita adrenalina e manobras de tirar o fôlego prometem ser a atração deste domingo, a partir das 9h, na Oswaldo Cruz. A entrada é franca e vale a pena ver de perto o show da galera.