Embalado pela dramática classificação às semifinais da Copa Libertadores, com a vitória contra o Vélez Sarsfield, o Santos recebe o Sport, neste domingo, às 16 horas, na Vila Belmiro, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro, com um time bastante modificado. Rafael e Neymar estão com a seleção brasileira e Paulo Henrique Ganso foi submetido a uma artroscopia no joelho direito e só deverá voltar a jogar dentro de um mês.

Outro que está fora é Borges, que se recupera de lesão muscular na coxa esquerda. Até o lateral-esquerdo Léo, o herói da classificação – deu o passe para o gol de Alan Kardec e converteu o quarto pênalti -, não ficará nem no banco de reservas porque foi liberado pelo técnico Muricy Ramalho para passar o fim de semana com a família em Campos, no Rio de Janeiro.

Muricy Ramalho ainda poderá poupar alguns titulares que se encontram mais desgastados fisicamente. Um deles é o volante Henrique, que vem atuando improvisado na lateral direita em razão da ausência do titular Fucile, que sofreu grave lesão no pé esquerdo e ainda não tem previsão para retornar. Como o ex-cruzeirense se queixou de dores musculares antes da partida diante do Vélez Sarsfield, é possível que seja preservado ou fique na reserva.

Se ele não puder jogar, a sua ausência não será sentida porque Muricy Ramalho ficou satisfeito com o rendimento de Rafael Galhardo. E para a lateral direita, o treinador voltou a contar com Maranhão, que entrou no segundo tempo contra o Bahia e diante do Vélez Sarsfield e não sentiu a lesão muscular na coxa direita.

Com os desfalques, Muricy Ramalho vai aproveitar para fazer algumas experiências já pensando no time que vai disputar os jogos do Campeonato Brasileiro enquanto Paulo Henrique Ganso e Neymar estiverem com a seleção brasileira na Olimpíada de Londres, no fim de julho e em agosto. Mas, como o terceiro jogo do time no Brasileirão será no dia 6 de junho contra o Fluminense, na Vila Belmiro, e as semifinais da Libertadores vão começar só daqui a três semanas, ele não tem motivo para poupar jogadores.

No gol, a solução é fácil porque Aranha jogou bem em todas as oportunidades em que substituiu o titular Rafael. Para o lugar de Paulo Henrique Ganso o candidato mais cotado é Bernardo, contratado por empréstimo do Vasco até o fim do ano e que teve estreia discreta no empate por 0 a 0 contra o Bahia, no domingo passado. E a dupla de ataque deverá ser formada por Renteria e Alan Kardec. Mas a escalação do time só será anunciada pouco antes do jogo.