A Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) resolveu nesta terça-feira aumentar de 22 para 23 o número de jogadores que integrarão a lista final de convocados pelas seleções para a disputa da Copa América, que será realizada na Argentina entre os dias 1º e 24 de julho.

A mudança permite que as seleções convoquem um terceiro goleiro para a competição. “Um lugar a mais no plantel é para que cada seleção leve ao torneio um terceiro goleiro para evitar eventuais contratempos durante a competição”, explicou Néstor Benítez, porta-voz da Conmebol.

O dirigente confirmou que a lista final deverá ser apresentada pelas seleções no dia 26 de junho. “Esta modificação evitará que, se um goleiro se lesione, a associação ou federação afetada tivesse que pedir autorização à Conmebol para chamar um goleiro substituto”.

Na última semana, após a disputa de jogo contra a Romênia, o técnico Mano Menezes anunciou a lista de convocados da seleção brasileira para a disputa da Copa América e chamou os goleiros Julio Cesar, da Inter de Milão, e Victor, do Grêmio. Jefferson, do Botafogo, e Fábio, do Cruzeiro, que foram convocados para os últimos amistosos são os favoritos para ocupar a vaga de terceiro goleiro do Brasil na competição.