O zagueiro Juan admitiu nesta segunda-feira que a seleção brasileira encontra mais dificuldades para conquistar um resultado positivo quando o adversário atua fechado. Por isso, lembrando das recentes vitórias sobre Itália e Uruguai, ele torce para que o Paraguai não entre em campo retrancado no duelo de quarta-feira.

“Às vezes, a gente enfrenta dificuldades quando as equipes atuam fechadas contra o Brasil. Mas a gente sempre sai pro jogo e vimos isso contra a Itália e o Uruguai. Nesse jogos, ficou provado que quando o jogo é de igual pra igual temos mais espaços e é dessa que a gente mais gosta de atuar”, analisou.

O lateral-esquerdo Kléber também torce para que o Paraguai dê espaços para o Brasil, mas não acredita que a seleção encontre facilidades no Arruda. “O Paraguai não costuma mudar suas características. Mas o importante é encontrar uma maneira de superar essas dificuldades”, afirmou.