enkontra.com
Fechar busca

De Letra

esportes

Seleção masculina de ginástica é quarta na disputa por equipes na Alemanha

  • Por Estadão Conteúdo

Um dia após a seleção feminina faturar a medalha de ouro, a o time nacional masculino do Brasil participou neste domingo da final por equipes da DTB Pokal Team, competição amistosa disputada em Stuttgart, e fechou a disputa na quarta posição, com 166,263 pontos.

A seleção brasileira havia sido a terceira colocada no qualificatório, mas não conseguiu repetir o desempenho na final para ir ao pódio. A Rússia ficou com o título ao somar 170,995 pontos, com a Alemanha em segundo lugar (168,162) e o Japão em terceiro (168,065).

Arthur Zanetti venceu a competição das argolas, sua especialidade, com a nota 15,033, além de ter ficado em terceiro no solo (14,166) – ele também participou no salto (14,300). Outro destaque brasileiro foi Francisco Barreto Júnior, que venceu no cavalo com alças (13,900) e ficou em terceiro na barra fixa (14,166).

Além disso, Tomas Rodrigues competiu no solo (13,433), Bernardo Miranda disputou o cavalo com alças (12,433) e as barras paralelas (13,133), e Caio Souza participou das argolas (14,100), do salto (13,666), das barras paralelas(14,533) e da barra fixa (13,400).

“Foi o primeiro evento do ano e os ginastas ainda estão evoluindo. Acredito que estamos no caminho certo para lutar pela vaga olímpica. Temos que trabalhar bem, buscando regularidade competitiva e um alto padrão de ginástica. O saldo foi positivo, os jovens ganharam experiência internacional e os mais velhos aperfeiçoaram suas séries. Agora é seguir trabalhando com foco e dedicação”, afirmou Leonardo Finco, gerente de seleções do Brasil.

A DTB Pokal Team foi a primeira competição da equipe brasileira em 2019 e ocorreu na mesma cidade – Stuttgart – palco do Mundial de Ginástica Artística desta temporada, que será classificatória para a Olimpíada de Tóquio, em 2020.

COPA DO MUNDO – Também foi disputada neste domingo a etapa de Stuttgart da Copa do Mundo Individual Geral. Carolyne Pedro terminou a competição em nono lugar, com um total acumulado de 47,765 pontos. A norte-americana Simone Biles levou o ouro com 58,800, com a canadense Anne-Marie Padurariu em segundo lugar (55,132) e a alemã Elisabeth Seitz em terceiro (54,399).

“Ela (Carolyne) pôde competir com a elite mundial, em um torneio muito difícil. Valeu como experiência e fez parte do planejamento dela para este ano”, afirmou Iryna Ilyashenko, treinadora da seleção brasileira.

PRÓXIMOS EVENTOS – A ginástica artística brasileira voltará a competir na próxima semana. De quarta-feira a sábado, Diego Hypólito disputará a etapa da Copa do Mundo de especialistas em Doha. No sábado, Thais Fidélis vai participar da etapa da Copa do Mundo Individual Geral em Birmingham.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas