Depois de serem derrotados nas semifinais, as duplas Bruno Schmidt/Pedro Solberg e Alison/Emanuel tiveram de se contentar com a disputa do terceiro lugar da etapa de Roma do Grand Slam do Circuito Mundial de Vôlei de Praia, neste domingo. E a primeira destas parcerias levou a melhor neste confronto ao vencer por 2 sets a 0, com parciais de 21/10 e 21/11, e ficar com a medalha de bronze.

O dia não começou bem para os brasileiros na capital italiana, com Alison e Emanuel sendo derrotados pelos letões Janis Smedins e Samoilovs por 2 sets a 0, com 21/10 e 21/14, na primeira semifinal. Em seguida, Schmidt e Solberg também foram superados no outro jogo que valeu vaga na decisão. Eles acabaram batidos pelos norte-americanos Rosenthal e Dalhausser, que ganharam por 2 sets a 1, com parciais de 22/20, 18/21 e 15/10 no tie-break.

Horas mais tarde, na decisão, Rosenthal e Dalhausser passaram por Smedins e Samoilovs por 2 sets a 0, com 21/19 e 21/18, e conquistaram o ouro em Roma. Os norte-americanos comemoraram assim o segundo título nesta temporada, depois de terem se sagrado campeões da primeira deste ano, que foi o Open de Fuzhou, na China.

Atuais campeões do Circuito Brasileiro, Schmidt e Solberg subiram no pódio pela terceira vez nesta temporada, depois de terem ficado com o ouro em Haia, na Holanda, e com a prata em Xangai, na China. Já Alison e Emanuel, atuais vice-campeões olímpicos, alcançaram na capital italiana a primeira semifinal neste ano.