A temporada 2015 começa nesta terça-feira, pelo menos para o Robert Scheidt. O maior campeão olímpico da história do País encara a Copa Brasil de Vela, que vai acontecer em Niterói, nas mesmas raias dos Jogos do Rio/2016, como uma preparação visando o próximo ano.

“Vou brigar por medalha, mas o principal objetivo é ter o melhor desempenho possível, corrigir o que tiver que ser corrigido na minha velejada e acertar os detalhes para entrar na temporada 2015 bem preparado”, comentou Scheidt, que vai voltar a velejar de Laser depois de ser quinto colocado na Star Sailors League Finals, nas Bahamas.

“Não tive muito tempo para me preparar, pois praticamente emendei uma competição na outra. Procurei intensificar os treinos em Niterói, nesses últimos dias”, observou o brasileiro, que chegou só na quinta-feira ao Rio.

A Copa Brasil de Vela é o campeonato nacional organizado pela CBVela, incluindo todas as dez classes olímpicas. Por acontecer nas raias que serão utilizadas nos Jogos do Rio/2016, o evento atrai diversos velejadores internacionais, especialmente na Nacra17, nova classe olímpica, que teve Campeonato Sul-Americano na semana passada, também nas raias olímpicas: três dentro da baía de Guanabara (Ponte, Escola Naval e Pão de Açúcar) e outras duas do lado de fora (Copacabana e Niterói).