enkontra.com
Fechar busca

De Letra

São Paulo leva gol no fim e perde para o Kashima Antlers

Time brasileiro dominou os minutos iniciais da partida, mas perdeu

O São Paulo encerrou nesta terça-feira a sua excursão pelo exterior com sua terceira derrota em quatro jogos. Na Copa Suruga, torneio disputado entre os campeões da Copa Sul-Americana e da Copa da Liga Japonesa, o Kashima Antlers faturou o título ao derrotar o time do Morumbi por 3 a 2, em casa, no Kashima Stadium.

Nos outros três jogos da excursão, o São Paulo foi derrotado por Bayern de Munique (2 a 0) e Milan (1 a 0), na Alemanha, pela Copa Audi, e venceu o Benfica (2 a 0), em Lisboa, pela Copa Eusébio. Dessa vez, sem alguns titulares, que voltaram ao Brasil e não seguiram para o Japão, o time voltou a perder.

Após um primeiro tempo apático, o São Paulo reagiu na etapa final e conseguiu empatar a partida. No entanto, no lance final da partida, o Kashima Antlers, que já havia perdido um pênalti, garantiu a sua vitória em um lance de sorte. Após finalização, a bola desviou em Osako, que, assim, marcou o seu terceiro gol na partida e garantiu a conquista do Kashima Antlers, que também venceu a Copa Suruga no ano passado.

Com a excursão ao exterior encerrada, o São Paulo retorna ao País preocupado com a sua situação no Campeonato Brasileiro. A equipe volta a entrar em campo no próximo domingo, quando vai enfrentar a Portuguesa, no Estádio do Canindé, em partida válida pela 13ª rodada. Os dois times estão na zona de rebaixamento da competição.

O JOGO – Com boas jogadas de Aloísio, o São Paulo dominou os minutos iniciais da partida e teve mais posse de bola, mas sem conseguir criar chances perigosas de gol. A primeira delas surgiu exatamente quando o Kashima Antlers deixou o campo de defesa, tentando pressionar o time brasileiro.

Em um contra-ataque, aos 16 minutos, Paulo Henrique Ganso passou para Aloísio, que tocou para Ademilson. Dentro da grande área, o atacante finalizou por cima da meta adversária.

Trocando passes em velocidade, o Kashima passou a ameaçar o São Paulo, especialmente com Osako. E foi dele o gol que abriu o placar da partida, aproveitando a desorganização do sistema defensivo adversário. Aos 24 minutos, Shibasaki foi lançado na ponta direita e tocou para o meio da área. Ogasawara passou para Osako. Ele tirou Rogério Ceni, que demorou a sair do gol, e finalizou para a rede.

O São Paulo não conseguiu reagir após ficar em desvantagem, principalmente pela falta de criatividade do seu meio-de-campo, e ainda sofreu o segundo gol aos 39 minutos. O brasileiro Juninho, na ponta esquerda, cruzou para Osako, que dominou na grande área e tocou para marcar o seu segundo gol na partida.

Para o segundo tempo, Paulo Autuori promoveu as entradas de Lucas Evangelista e Silvinho. O primeiro lance da etapa final, criado por Aloisio, parecia indicar que o time deixaria de lado a apatia que marcou a sua postura nos primeiros 45 minutos.

E o São Paulo logo conseguiu diminuir a vantagem do time japonês. Aos 12 minutos, Ganso aproveitou rebote de bola dividida, avançou pelo meio e finalizou no canto direito da meta do Kashima. Sogahata ainda tocou na bola, mas não evitou o gol.

Com o São Paulo se lançando ao setor ofensivo, o Kashima conseguiu encaixar um contra-ataque e teve Osako derrubado na grande área por Silvinho. O atacante, então, teve a chance de marcar o seu terceiro gol na partida, mas a cobrança foi defendida por Rogério Ceni.

O árbitro, porém, mandou o pênalti ser repetido, pois considerou que o goleiro se adiantou. Na nova tentativa, Osako chutou para fora, com a bola saindo por cima da meta são-paulina. Assim, o atacante perdeu a chance de marcar o seu terceiro gol na partida e motivou ainda mais o São Paulo, que seguiu pressionando o time japonês.

E o time brasileiro empatou a partida aos 29 minutos. Douglas avançou pela direita e cruzou para Ganso, que passou a Aloísio. Ele precisou apenas finalizar para a meta vazia do Kashima, igualando o placar em 2 a 2.

O São Paulo seguiu no campo de ataque, mas sem conseguir criar chances claras de gol. Assim, a definição da partida parecia seguir para a disputa de pênaltis. Aos 47 minutos, porém, após chute de fora da área de Shibasaki, a bola desviou em Osako e enganou Rogério Ceni: 3 a 2 para o Kashima Antlers, campeão da Copa Suruga.

 

FICHA TÉCNICA

KASHIMA ANTLERS 3 x 2 SÃO PAULO

KASHIMA ANTLERS – Sogahata; Nishi, Maeno (Nakata), Ogasawara e Aoki (Iwamasa); Endo (Nakamura), Shibasaki, Doi (Nozawa) e Yamamura; Osako e Juninho (Umebachi). Técnico: Toninho Cerezo.

SÃO PAULO – Rogério Ceni; Douglas, Lucas Silva (Roni), Edson Silva e Reinaldo; Wellington, Rodrigo Caio, Maicon (Lucas Evangelista) e Paulo Henrique Ganso; Aloísio e Ademilson (Silvinho). Técnico: Paulo Autuori.

GOLS – Osako, aos 24 e aos 39 minutos do primeiro tempo; Paulo Henrique Ganso, aos 12, Aloísio, aos 29, e Osako, aos 47 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO – Abdul Malik Bin Abdul Bashir (Fifa/Cingapura).

CARTÕES AMARELOS – Ogasawara e Iwamasa (Kashima Antlers).

PÚBLICO e RENDA – Não disponíveis.

LOCAL – Kashima Stadium, em Kashima (Japão).

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas