O técnico do São Paulo respondeu com ironia a proposta do técnico do Santos, Emerson Leão, de que aceitaria ceder o lateral-esquerdo Kleber ao rival em troca do lateral Júnior, do volante Hugo e do meia Souza, além de uma parte em dinheiro.

Depois de dizer que ninguém no São Paulo cogitou o nome de Kléber, Muricy Ramalho, perguntou se Leão também não desejava ter o goleiro Rogério Ceni envolvido na transação. "O Leão está querendo demais.

O superintendente de futebol do São Paulo, Marco Aurélio Cunha, confirmou que Leão deseja a contratação de Hugo, mas lembrou que "uma coisa é querer, a outra é ter" e disse que seria mais fácil o Santos pagar para ter o atleta.