O São Paulo volta a campo neste domingo contra o Cruzeiro, às 16 horas, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, pela estreia no Campeonato Brasileiro, para tentar afastar a desconfiança da torcida após três eliminações seguidas na temporada. A intenção é repetir a ótima atuação que o time teve diante do mesmo adversário na capital mineira, pela quarta fase da Copa do Brasil, quando venceu e quebrou a invencibilidade do rival no ano.

“Vamos jogar contra times fortes, todos de séria A. Estamos tristes, terceira eliminação em pouco tempo, mas não podemos jogar do mesmo nível que foi contra o Defensa (y Justicia, da Argentina). Precisamos melhorar muito e ter na cabeça que temos de fazer partidas como a que foi em Belo Horizonte contra o Cruzeiro. Não estamos conseguindo ter uma regularidade e precisamos encontrar isso”, disse o atacante argentino Lucas Pratto.

A atuação na vitória por 2 a 1 é lembrada sempre como uma das melhores da equipe no ano e o técnico Rogério Ceni tentará repetir isso diante de um rival que também vem de eliminações. Em comparação com aquele duelo, o comandante não poderá contar com o atacante Morato, que teve uma lesão séria no joelho e pode não atuar mais em 2017.

A escalação não será divulgada, como de costume, mas a tendência é que o capitão Maicon retorne ao time e na lateral direita o argentino Buffarini, que cumpriu suspensão diante do Defensa y Justicia, disputa a vaga com Bruno. “Temos que reagir de forma rápida. Vamos continuar trabalhando para tentar começar bem o Brasileiro”, afirmou Rogério Ceni.