O clima entre os jogadores logo após a partida no estádio Serra Dourada, em Goiânia, era de satisfação. O São Paulo jogou com simplicidade e apostou na marcação forte para empatar com o Goiás, por 2 a 2, e avançar para as semifinais da Copa do Brasil sem sustos.

Vaga garantida, hora de estudar o próximo rival. Ainda na saída do campo, Lucas afirmou que o time tricolor já está ligado no Coritiba e promete analisar cada ponto dos paranaenses. Antes, porém, o camisa 7 lembrou do compromisso contra o Bahia, pelo Campeonato Brasileiro. “É claro que pensamos no Coritiba, até porque a Copa do Brasil é o campeonato mais próximo de terminar. Temos que estudar a equipe deles com calma porque queremos muito vencer e voltar à Libertadores. Mas também não podemos tirar o olho do Brasileiro”, afirmou o atacante.

CORTEZ VIBRA – Um dos jogadores mais felizes era o lateral-esquerdo Cortez. Além de marcar pela primeira vez no novo clube, o camisa 6 foi um dos principais jogadores em Goiânia e infernizou o adversário com suas arrancadas. “É uma felicidade enorme. Tive uma oportunidade no primeiro tempo, mas o zagueiro tirou em cima da linha. No intervalo o Leão me deu muita força e falou que confiava em mim, para eu não me preocupar”, comemorou o jogador.

Quem também saiu satisfeito foi Casemiro. Atuando mais recuado pela falta de um atleta mais marcador, o volante foi uma das principais peças da engrenagem e garantiu a sustentação defensiva mesmo em um esquema tático que quase não vinha sendo utilizado. “O jogador tem que saber desempenhar várias funções. Costumo sair mais para o jogo, mas hoje o Leão me pediu pra ficar um pouco mais recuado”, explicou.