O sonho do Santos de conquistar o inédito tricampeonato na Copa São Paulo de Futebol Júnior acabou. Nesta sexta-feira, em uma tarde de muito calor na cidade de Lins, os “Meninos da Vila”, atuais bicampeões, perderam para o time da casa, o Linense, por 2 a 1. O Elefante, como é chamado por sua torcida, chegou aos seis pontos no Grupo D, ficando com a liderança e com a vaga.

Na segunda fase vai enfrentar o Goiânia, líder do Grupo C. O Santos, que outrora revelou craques como Robinho e Neymar, terminou com apenas quatro pontos em três jogos, na terceira posição.

Na preliminar houve empate, por 2 a 2, entre Penapolense e Babaçu-MA, que deixou o time de Penápolis com cinco pontos, na vice-liderança. Ele era favorito à vitória e chegaria aos sete pontos, na liderança ou na segunda posição para brigar pelo índice técnico. O Babaçu comemorou o ponto conquistado, mesmo terminando na lanterna, com apenas um ponto.

O gol de Felipe Carê, ainda aos 16 minutos do primeiro tempo, já levantou a torcida do Linense presente no estádio Gilbertão. O time da casa precisava de apenas uma vitória para garantir a liderança do grupo e a vaga na próxima fase. Na segunda etapa, quando o relógio marcava 22 minutos, o zagueiro santista João Igor puxou Juninho dentro da área e o árbitro marcou pênalti. Marcelinho pegou a bola, bateu firme e aumentou a vantagem.

Apesar da grande movimentação, o Santos não contava com a forte marcação do time da casa. Aos 43 minutos, Serginho diminui para o visitante, recebendo um passe em diagonal, driblando o goleiro e tocando para as redes. Após uma tarde infeliz, não havia do que reclamar da derrota e da eliminação. A campanha santista foi ruim. Debaixo de muita chuva ficou no 0 a 0 com o Penapolense, depois venceu o Babaçu por 4 a 2, sem convencer, e agora perdeu para o Linense.

Nesta primeira fase da Copa São Paulo, apenas o líder de cada grupo passará para a próxima fase. Além dos seis melhores segundos colocados dos 26 grupos, totalizando 32 times. A partir daí vão acontecer confrontos dentro do sistema mata-mata.