enkontra.com
Fechar busca

De Letra

esportes

Santos enfrenta o Novorizontino no Pacaembu por liderança e invencibilidade

  • Por Estadão Conteúdo

O Santos tem três objetivos nesta sexta-feira, no Pacaembu, às 20h30, diante do Novorizontino, pela 11ª rodada do Campeonato Paulista. Classificado para as quartas de final, o time do técnico Jorge Sampaoli vai em busca de manter o primeiro lugar no Grupo A, aumentar sua série invicta no tradicional estádio e garantir a melhor campanha da primeira fase.

Com 23 pontos, o time santista é o primeiro colocado no Grupo A, com dois pontos de vantagem para o Red Bull Brasil. Terminar em primeiro também vai garantir à equipe a melhor campanha da fase de grupos, o que garantirá vantagem na disputa das quartas de final. Para isso, o time santista precisa vencer e torcer para que o Red Bull Brasil empate com o São Bento.

“Nosso foco é decidir as quartas em casa, então nosso dever é sair com a vitória no Pacaembu para chegar na última rodada com mais tranquilidade”, afirmou Jean Mota, que não tem escalação assegurada na partida.

Com apenas um jogo na Vila Belmiro, vitória sobre a Ferroviária por 1 a 0, na abertura do campeonato, a equipe atuou quatro vezes no Pacaembu e venceu todas: São Paulo (2 a 0), Mirassol (1 a 0), Guarani (3 a 0) e Oeste (3 a 2).

O Santos não perde no Pacaembu desde 12 de novembro do ano passado. A última derrota foi para a Chapecoense, por 1 a 0, pelo Campeonato Brasileiro. O time ainda era comandado por Cuca, técnico que vai assumir o São Paulo no mês que vem.

Sampaoli deverá poupar alguns titulares. Além disso, o volante Alison, que sofreu um corte no pé durante treino desta quinta-feira, está fora do jogo. Assim como o paraguaio Derlis González, que, suspenso do jogo, foi liberado pela integrar a seleção de seu país.

NOVORIZONTINO – Diante de missão de tentar tirar pontos do Santos, o Novorizontino depende apenas de si para confirmar a classificação antecipada. O time de Roberto Fonseca vem de vitória sobre o São Caetano por 2 a 1 e voltou para a segunda posição do Grupo B, com 16 pontos, ultrapassando o Guarani, que tem 14 – o adversário tem um dérbi regional contra a Ponte Preta no sábado. Na liderança está o Palmeiras, com 19.

“Tínhamos consciência da importância da vitória e do peso do nosso adversário, que também jogou para vencer. Tivemos alguns imprevistos, mas nossos primeiros minutos foram diferenciados e decisivos. Acredito que nosso adversário pôde sentir o que buscávamos na partida”, analisa Roberto Fonseca.

A grande meta do Novorizontino é manter a vantagem pra cima do Guarani e com isso poder chegar na última rodada, contra a Ferroviária, dependendo apenas de si para classificar:

“Estamos trabalhando rodada por rodada. Nos colocamos a dois pontos do Guarani e é isso que temos que manter. Não vai ser fácil. Temos um Santos pela frente e depois a Ferroviária, mas temos que estar de olho no Guarani, que está brigando diretamente na tabela conosco”, avisa o treinador.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas