Detentora dos cinturões da WIBA (Associação Internacional de Boxe Feminino) e da WPC (Comissão Mundial de Pugilismo) na categoria Super Mosca, a boxeadora Rosilete dos Santos subirá ao ringue nesta sexta-feira. A luta contra a argentina Carina Maria Britos, válida pelo Desafio Internacional de Boxe, serve como preparação para a defesa dos títulos unificados, em junho deste ano.

O desafio desta sexta-feira acontece às 21h, no ginásio Ney Braga, em São José dos Pinhais. Mesmo sem colocar os cinturões em jogo, Rosilete encara com muita seriedade a luta. “Para mim é uma responsabilidade muito grande, porque sou a campeã mundial e tenho obrigação de lutar bem. Estou bem preparada e tranquila para apresentar um bom espetáculo”, disse.

Natural de Castro, a lutadora de 36 anos tem 30 lutas no cartel, com 25 vitórias e apenas 5 derrotas. Números que Rosilete quer deixar ainda mais positivo após a luta contra Catarina Britos.

WIBA determina que o título seja defendido semestralmente. O não cumprimento desta regra é punido com a perda do cinturão. Rosilete defenderá o título no dia 2 em junho deste ano.