O alemão Nico Rosberg faturou neste sábado a pole position para o GP do México de Fórmula 1, que acontecerá neste domingo, com o tempo de 1min19s480. Depois de 23 anos longe da Fórmula 1, o país terá o piloto da Mercedes na primeira posição do grid, seguido por seu companheiro Lewis Hamilton, que marcou 1min19s668, e por Sebastian Vettel, da Ferrari, com 1min19s850.

Se Hamilton confirmou o título com a vitória no último fim de semana, nos Estados Unidos, Rosberg é quem tem dominado os últimos treinos de classificação da Fórmula 1. Neste sábado, ele conseguiu simplesmente sua quarta pole consecutiva, depois de ter largado na frente no Japão, na Rússia e nos Estados Unidos.

A primeira colocação no grid não fará o alemão voltar à briga pelo título, mas ao menos lhe dá vantagem na disputa pelo vice-campeonato. Rosberg é o terceiro colocado do Mundial, com 247 pontos, quatro atrás de Vettel, que tem 251. O já campeão Lewis Hamilton tem 327.

Sexto colocado no Mundial, Felipe Massa, da Williams, largará em sétimo. Ele quase foi eliminado no Q2, mas chegou à fase final do treino e marcou 1min20s567. Já o outro brasileiro, Felipe Nasr, não viveu um bom dia neste sábado. O piloto da Sauber teve dificuldades com seu carro e cravou apenas o 17.º tempo, com 1min21s788, mas largará em 15.º graças às punições de Fernando Alonso e Kimi Raikkonen, que perderam posições no grid

O TREINO – O Q1 foi mais um capítulo no pesadelo que vem sendo a temporada 2015 para a McLaren. Fernando Alonso acabou eliminado logo de cara, com o 16.º tempo, mas, com a perda de 15 posições graças a uma punição, sairá na última colocação. Seu companheiro, Jenson Button, enfrentou problemas no carro e sequer foi à pista.

Quem também decepcionou e caiu logo de cara foi o brasileiro Felipe Nasr. Depois de boas provas e pontuar nos Estados Unidos e na Rússia, o piloto da Sauber não repetiu o mesmo desempenho no treino deste sábado e cravou apenas o 17.º tempo. Só largará em 15.º porque foi ajudado por punições a Alonso e Raikkonen.

No Q2, foi justamente Kimi Raikkonen quem decepcionou. Enfrentando problemas com sua Ferrari, o piloto finlandês praticamente abandonou a atividade, terminando somente com o 15.º tempo. Depois de abandonar nos Estados Unidos, ele corre até o risco de perder a quarta colocação da temporada para seu compatriota Valtteri Bottas.

Bottas, aliás, sairá em sexto, à frente de seu companheiro de Williams, Felipe Massa. O brasileiro por pouco não parou no Q2. Ele ocupava a 12.ª colocação no treino até os últimos segundos. Então, com o relógio já zerado, melhorou seu tempo e avançou à última fase do treino.

No Q3, Sergio Pérez fez a alegria da torcida da casa ao ir para a pista somente com pouco mais de um minuto para o fim. Teve tempo de dar duas voltas e arrancou os gritos das arquibancadas ao passar seu companheiro Nico Hulkenberg e faturar a nona posição com o cronômetro já zerado.

Sem sustos, Rosberg confirmou a primeira posição com uma ótima volta. Nem mesmo seu companheiro Lewis Hamilton ameaçou o ótimo resultado do alemão. Os últimos minutos de treino, aliás, pouco tiveram emoção e viram Vettel manter sua terceira colocação, seguido de Daniil Kvyat, Daniel Ricciardo, Valtteri Bottas e Felipe Massa.

Confira o resultado do treino classificatório do GP dos EUA:

1º – Nico Rosberg (ALE/Mercedes), 1min19s480

2º – Lewis Hamilton (ING/Mercedes), 1min19s668

3º – Sebastian Vettel (ALE/Ferrari), 1min19s850

4º – Daniil Kvyat (RUS/Red Bull), 1min20s398

5º – Daniel Ricciardo (AUS/Red Bull), 1min20s399

6º – Valtteri Bottas (FIN/Williams), 1min20s448

7º – Felipe Massa (BRA/Williams), 1min20s567

8º – Max Verstappen (HOL/Toro Rosso), 1min20s710

9º – Sergio Pérez (MEX/Force India), 1min20s716

10º – Nico Hülkenberg (ALE/Force India), 1min20s788

11º – Carlos Sainz Jr (ESP/Toro Rosso), 1min20s942

12º – Romain Grosjean (FRA/Lotus), 1min21s038

13º – Pastor Maldonado (VEN/Lotus), 1min21s261

14º – Marcus Ericsson (SUE/Sauber), 1min21s544

15º – Felipe Nasr (BRA/Sauber), 1min21s788

16º – Alexander Rossi (EUA/Marussia), 1min24s136

17º – Will Stevens (ING/Marussia), 1min24s386

18º – Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari), 1min22s494*

19º – Fernando Alonso (ESP/McLaren), 1min21s779*

20º – Jenson Button (ING/McLaren), sem tempo**

* Punidos com perda de posições no grid

** Sequer foi à pista no treino deste sábado