O procurador da CBF, Lindolfo Marinho, disse nesta quinta-feira que vai pedir pena máxima para o Baixinho Romário, que no último domingo agrediu o zagueiro Andrei. Enquadrado em dois artigos do CBDF, o atacante pode pegar até quatro jogos de suspensão.
Lindolfo disse que a agora a decisão sobre a punição vai ficar a cargo do Tribunal de Justiça Desportiva.
Alheio ao problema com o Baixinho, O técnico Renato Gaúcho voltou a criticar a antiga comissão da técnica, comandada por Robertinho. Segundo Renato, a equipe Tricolor não se preparou devidamente para a disputa do Campeonato Brasileiro.
– O Fluminense caiu de pára-quedas no Brasileiro. Faltando dez dias para a estréia na competição, os jogadores tiveram folga. Resultado: estamos na 12ª rodada e a equipe está mal fisicamente, tecnicamente e taticamente.
Renato reclamou que agora ele precisa dividir o seu tempo na Granja Comary com os preparadores físicos.
– Obrigatoriamente, o Fluminense deveria estar bem fisicamente. Mas não está, e infelizmente não posso passar todo o tempo aqui em Teresópolis ajeitando a equipe no campo – resmungou. (Lancepress!)