seriec260807.jpgEm duas rodadas, tudo mudou para o Roma. Depois da vitória na largada da 2.ª fase da Série C, o último representante paranaense no torneio acabou fora da zona de classificação e joga suas chances às 16h de hoje, contra o Bragantino, em Bragança Paulista.

O time de Apucarana estreou com vitória por 2 a 0 sobre o Democrata, em Minas Gerais, mas depois decepcionou em casa: empate com o Esportivo (RS) e derrota para o Bragantino. Os tropeços derrubaram o Roma para o 3.º lugar no grupo 23. Se perder hoje, estará quase eliminado.

O time repetiu a estratégia de chegar à casa do adversário com grande antecedência e está em São Paulo desde terça-feira, concentrado em Socorro. Nos treinos no estado vizinho, o técnico Lorival Santos manteve uma dúvida: o lateral-esquerdo Guaru pode permanecer no meio-campo ou voltar à posição de origem, deixando Preto no banco de reservas e abrindo espaço para Gildázio na meia. No ataque, Baiano substitui o suspenso Juliano.

No Braga, o técnico Roberval Davino deve deixar na reserva o recém-contratado atacante Valdir Papel, ex-Sport e Vasco. Os titulares Marcinho, suspenso, e Bill, contundido, dão vaga para Thiago e Leandro.

O Roma deve entrar em campo com Oliveira; Cleiton, João Renato e Ricardo Villa; Rodrigo, Rocha, Márcio, Guaru (Gildásio) e Preto (Guaru); Baiano e Edenílson.

Mudança

Por ordem da CBF, o Roma enfrentará o Democrata-MG no Estádio Willie Davids, em Maringá, pela 6.ª rodada da 2.ª fase. A entidade determinou que os jogos da última rodada serão disputados simultaneamente, às 16h, e o Bom Jesus da Lapa, em Apucarana, não tem iluminação.