enkontra.com
Fechar busca

De Letra

esportes

Rogerinho erra muito, perde e Bélgica empata duelo com o Brasil na Davis

  • Por Estadão Conteúdo

Após uma boa vitória de Thiago Monteiro, Rogério Dutra Silva não conseguiu manter o embalo da equipe brasileira e a Bélgica empatou a série válida pela fase qualificatória da reformulada Copa Davis, nesta sexta-feira. Rogerinho foi batido por Kimmer Coppejans pelo placar de 2 sets a 0, com duplo 6/4, em 1h44min de confronto, no saibro do Ginásio do Sabiazinho, em Uberlândia (MG).

Mais cedo, no início do dia, Monteiro havia arrasado Arthur De Greef por 2 a 0, com parciais de 6/3 e 6/2, em apenas 61 minutos. A vitória deixara o Brasil na frente no confronto que vale vaga na fase final da Copa Davis. Mas a série foi empatada, graças à boa atuação de Coppejans, atual 195º do mundo.

Se Monteiro brilhou em quadra, Rogerinho deixou a desejar. O brasileiro abusou das falhas – foram 30 erros não forçados, contra 24 do rival – e acabou sofrendo duas quebras de saque na partida, uma em cada set. O número 139 do ranking da ATP não conseguiu se impor no serviço do rival em nenhum momento do duelo.

No primeiro set, Rogerinho ainda teve chance de devolver a primeira quebra quando o belga sacava para fechar a parcial. Mas não chegou a ter break point nem neste e no set seguinte. Movimentando-se melhor, Coppejans aproveitou as oscilações do backhand do brasileiro e sacramentou a vitória, empatando a série melhor de cinco partidas.

O confronto será desempatado neste sábado, quando serão disputados os três jogos restantes da série. E o primeiro jogo será entre as duplas. Bruno Soares e Marcelo Melo, ambos campeões de Grand Slam, têm amplo favoritismo contra Sander Gille e Joran Vliegen, a partir das 14 horas.

Na sequência, serão disputados os outros dois jogos de simples, com escalações invertidas em comparação a esta sexta-feira. Pelo novo formato da Copa Davis, que tem os confrontos da fase qualificatória concentrados em apenas dois dias, os jogos também ficaram mais curtos, sendo disputados em melhor de três sets.

O Brasil busca a vitória contra a desfalcada equipe belga, que não tem David Goffin e nem Steve Darcis, para ganhar vaga na fase final da Davis, que equivale à elite do tênis mundial. Esta fase será toda disputada em apenas uma semana, em novembro, na cidade de Madri. Até a temporada passada, o então Grupo Mundial era realizado ao longo do ano, em diversas sedes.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas