O Rio Branco manterá para a Série C do Campeonato Brasileiro a base do time que ficou em 4.º lugar no campeonato estadual deste ano. Dez jogadores daquela campanha e mais o técnico Itamar Bernardes treinam desde junho no estádio da Estradinha, em Paranaguá, para a competição que inicia no próximo dia 16, domingo contra o Caxias, do Rio Grande do Sul.

Os remanescentes são o goleiro Márcio Vieira, os laterais Baiano e Cleomir, o zagueiros Júlio César, os volantes Gian, Doriva, Erminho e Ninho, o meia Ratinho e o atacante Negreiros.

Já entre os reforços estão o goleiro Marco Antônio (ex-Olímpia-SP e Iraty), os zagueiros Edson Santos (Cianorte) e Zé Luciano (Vila Aurora-MT) e o atacante Leandro Temporim (outro ex-Cianorte).

A equipe de Paranaguá preferiu trocar os amistosos por treinamentos intensivos para a estréia na Terceirona do Brasileirão, que nesta edição terá 63 equipes, divididas em 15 grupos de quatro clubes, e um de três times. O Rio Branco está no Grupo 15, junto com Caxias e Ulbra, do Rio Grande do Sul, e Joinville, de Santa Catarina. As equipes de cada grupo jogam entre si, em turno e returno, classificando os dois primeiros – 32 clubes para a próxima fase.

O mesmo critério – turno e retuno, acontece nesta fase com os 32 classificados divididos em oito grupos de quatro equipes. Na terceira fase, os 16 times classificados, serão divididos em quatro grupos de quatro equipes, passando oitos clubes. Na quarta e última fase, os oito classificados jogam entre si em turno e returno, decidindo o título. Os quatro primeiros colocados se classificam para a Série B de 2007.

Além do Rio Branco, a Adap, de Campo Mourão, e o J. Malucelli, representam o Estado na Série C. As duas equipes estão no Grupo 14, junto com o Noroeste e América, de São Paulo.

Redação e futebolpr.com