As contusões continuam sendo um tormento para Franck Ribery. O Bayern de Munique revelou nesta sexta-feira que a lesão no tornozelo do meia francês não respondeu bem ao tratamento conservador adotado pelo departamento médico do clube. Por isso, o jogador teve o seu pé direito imobilizado.

O Bayern, porém, não revelou outros detalhes sobre a lesão e a continuidade do tratamento de Ribery. Além disso, não deu qualquer estimativa sobre o retorno do francês aos gramados.

“Vamos apoiar plenamente Franck em todos os aspectos do processo de recuperação e espero que ele em breve esteja de volta ao campo de jogo”, disse Mathias Sammer, diretor esportivo do Bayern sobre o meia francês de 32 anos.

Ribery não entra em campo desde que lesionou o seu tornozelo em março, durante partida do Bayern contra o Shakhtar Donetsk, válida pela Liga dos Campeões da Europa. Assim, ficou de fora da fase de definição da temporada 2014/2015, em que o seu clube faturou o título do Campeonato Alemão.

Na última quarta-feira, em entrevista ao jornal alemão Bild, Ribery disse que não poderia garantir se estaria liberado para treinar em 1º de julho, quando o Bayern iniciará os preparativos para a nova temporada. Agora, diante da divulgação desse comunicado pelo clube, o futuro do francês ficou ainda mais incerto.