Depois de uma semana de testes, treinos e de 22 dias de pré-temporada, o Atlético confirmou seu primeiro reforço para 2012. O volante Renan, 26 anos, começou a treinar ontem com a equipe. O jogador foi revelado pelo São Paulo e participou da conquista da Copa Libertadores de 2005, em disputa com o Furacão, mas era reserva da equipe tricolor.

Assim como Renan, o uruguaio Martin Ligüera, que também já está no CT do Caju, deve ser confirmado nos próximos dias. O uruguaio estava no Unión Española, do Chile, e já foi jogador de Juan Ramon Carrasco na seleção uruguaia.

Hoje deve ser dia de chegada de mais um possível reforço do Atlético. O atacante Léo, do América-MG, tem 21 anos, e deve assinar com o Furacão por cinco anos. Revelado pelo clube mineiro, Léo não teve muitas oportunidades na temporada de 2011 – ano infeliz também para seu clube, que, assim como o Furacão, amargou o rebaixamento.

Além dos três jogadores, o Furacão ainda corre atrás de atletas para outras posições. Um lateral-direito, um zagueiro e um goleiro estão na lista de prioridades. Ontem se especulou o goleiro Felipe, que estava no Avaí. O camisa 1, que pertence ao Santos, também não teve um final de temporada feliz e o catarinense foi rebaixado.

Sem espaço no Santos, Felipe deve novamente ser emprestado, mas além do Furacão o São Paulo também estaria interessado no jogador. A lesão de Rogério Ceni fez o time tricolor correr atrás de mais um goleiro. Se for confirmado, Felipe ficaria no Furacão por um ano, com preferência de compra ao final do primeiro contrato. Sem Renan Rocha e Santos, que se recuperam de lesões no joelho, o Atlético precisa de mais um goleiro. Além do titular Rodolfo, Carrasco conta com João Carlos e Vinícius como suplentes.