O Ministério Público do Rio denunciou nesta sexta-feira (11) à Justiça a nadadora Rebeca Gusmão por falsidade ideológica após análise do resultado da investigação promovida pelo delegado Marcos Cipriano.

Rebeca teria fraudado exames realizados durante o Pan-Americano do Rio de Janeiro (em julho de 2007), que apresentaram níveis anormais de testosterona. Se for condenada, a nadadora pode pegar de um a cinco anos de prisão.