enkontra.com
Fechar busca

De Letra

esportes

PSG sofre, mas bate time da 3ª divisão na prorrogação e avança na Copa da França

  • Por Estadão Conteúdo

O Paris Saint-Germain suou muito mais do que o esperado, mas avançou às quartas de final da Copa da França nesta quarta-feira. A milionária equipe visitou o pequeno Villefranche, da terceira divisão, na casa do Lyon, o Groupama Stadium, e precisou da prorrogação para vencer por 3 a 0, após empate sem gols no tempo normal.

Desfalcado do lesionado Neymar e sem alguns de seus principais nomes, poupados, o PSG em nada lembrou o time que construiu uma hegemonia no cenário nacional. Somente após as entradas de Mbappé e Cavani, que começaram no banco, a equipe conseguiu chegar à vitória na prorrogação. O uruguaio marcou um gol e deu passe para outro, enquanto o francês deu duas assistências.

Com o resultado, o PSG se junta a Dijon, Orleans, Nantes, Caen e Vitre como equipes já classificadas às quartas de final da Copa da França. Líder do Campeonato Francês, a equipe volta as atenções para a competição no sábado, quando receberá o Bordeaux.

O PSG exerceu sua superioridade nos primeiros momentos da partida desta quarta e ganhou o campo de ataque. Teve bons momentos com Di María e Choupo-Moting, mas foi Diaby quem perdeu grande chance aos 12 minutos, após arrancar sozinho e chutar para fora. Sergio, aos 28, respondeu para o Villefranche e quase surpreendeu de fora da área.

O time da casa conseguia frear as investidas do PSG, que viu as chances ficarem escassas na etapa final, apesar do completo domínio da posse de bola. Aos 23, Bernat assustou em tentativa de cruzamento que quase surpreendeu Philippon. Em cobrança de falta, Cavani, que havia acabado de entrar, exigiu boa defesa do goleiro.

A falta de inspiração do PSG fez com que a partida fosse para a prorrogação, em que a morosidade da equipe seguiu. Mbappé tentou algo diferente e perdeu chances consecutivas. Mas foi Draxler o responsável por tirar o zero do placar. Marquinhos deu ótimo passe para Cavani, que cortou o zagueiro e encontrou o alemão na pequena área.

Na etapa final, o Villefranche parecia resignado. Sem ameaçar qualquer reação, viu o PSG dominar e perder boa chance com Cavani. Até que aos oito minutos, Mbappé foi lançado em velocidade, arrancou e rolou para Diaby finalizar para o gol vazio. Aos 13, Mbappé repetiu a dose e, desta vez, deixou Cavani sozinho para selar o resultado.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas