Rio (AE) – Com um gol salvador do zagueiro Júnior Baiano, o Flamengo obteve um empate por 1 a 1 com o Cruzeiro, no Maracanã, na estréia do Campeonato Brasileiro. Apesar de o Rubro-Negro não ter jogado bem, o time carioca aproveitou o recuo do adversário no segundo tempo e chegou ao empate, resultado considerado bom pelos jogadores.

"Conseguimos sair de uma situação adversa. Pena que não deu para vencer", disse Júnior Baiano, que se envolveu em polêmica ao mostrar uma banana para os torcedores na comemoração do gol. Na saída do jogo, porém, ele negou. "Apenas comemorei, só isso", afirmou.

Embora tenha iniciado a partida com muita disposição e partindo para o ataque, o Flamengo esbarrou na falta de entrosamento dos seus jogadores e acabou punido por isso. O Cruzeiro aproveitou um contra-ataque e marcou o seu gol com o atacante Fred, aos 21 minutos. Com a desvantagem no placar, o Rubro-Negro tentou empatar, mas parou na boa marcação adversária e no goleiro Fábio.

No segundo tempo, o Flamengo voltou com o mesmo ímpeto da primeira etapa, mas continuava muito desorganizado no meio-de-campo. E só podia mesmo obter o gol de empate em uma jogada de bola parada. E o fez aos 16, em cabeçada do zagueiro Júnior Baiano após cobrança de falta. O Cruzeiro ainda teve duas boas oportunidades para vencer. Porém, Athirson e Fred desperdiçaram.

FICHA TÉCNICA

FLAMENGO 1 X 1 CRUZEIRO

GOLS – Fred aos 21 minutos do primeiro tempo; Júnior Baiano aos 16 minutos do segundo tempo.

FLAMENGO – Diego; Fábio, Júnior Baiano, Fabiano (Rodrigo) e André Santos; Jônatas, Júnior, Renato e Caio (Vinicius); Fabiano Oliveira e Obina (Geninho). Técnico: Andrade.

CRUZEIRO – Fábio; Maurinho (Ruy), Gladstone, Marabá e Athirson; Maldonado, Diogo (Adriano), Martinez e Lopes (Kelly); Weldon e Fred. Técnico: Levir Culpi.

JUIZ – Carlos Eugênio Simon (Fifa-RS).

CARTÃO AMARELO – Fábio, Marabá, Athirson, Martinez e Gladstone.

PÚBLICO E RENDA – Não disponíveis.

LOCAL – Estádio Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ).