A Comissão de Turfe organizou excelente programa de nove páreos, para o dia 11, destacando-se como grande atração o Clássico Luiz Gurgel do Amaral Valente, que será corrido em 1.600 metros, com a participação de bons animais de três anos: Dubliner, Junge Lord, Que Fuego, Blessed John, Megaphone, Fleetwood Mac, Di Trevi, Bermudez, Mark Brown e Quiet Foxy, que prometem difícil decisão, numa prova que agrada pela categoria dos animais inscritos e, ainda, pelo equilíbrio de forças.

Entre as provas que completam o programa figura a eliminatória para produtos da nova geração, na distância de 800 metros, com a participação de dez animais de dois anos, sendo seis potros e quatro potrancas: Jato Forte, Ventimax, Don Melchor, Apricot Noir, Allez Prospector, Leveza, Nave Espacial, Nassault, Koanga e Ninette.

Quatro provas para produtos de 3 anos e duas para animais de mais idade completam o programa, tudo fazendo que o movimento de apostas será excelente, pois bom público, como de costume, prestigiará as corrida do dia 11, sexta-feira da próxima semana.

A Prova Especial Matias Machline, tendo em vista o reduzido número de inscrições, foi adiada, desfalcando o programa de outra boa atração, que seria o páreo de éguas. O bolo de 8 pontos, com início no segundo páreo, com garantia de R$ 10 mil, para aqueles que acertarem os oito vencedores, deverá contribuir para o êxito financeiro.

As corridas em simulcasting com a Gávea e apostas através das agências do Rio de Janeiro e São Paulo, têm seu início marcado para as 16h30, enquanto o páreo de encerramento será realizado às 20h45.