Um aviso para quem vai ao Itaquerão, nesta quinta-feira, assistir ao jogo de abertura da Copa do Mundo, entre Brasil e Croácia: é melhor deixar o carro em casa. A prefeitura e o governo do Estado recomendam que se vá de trem ou metrô até o estádio, que terá os portões abertos às 13 horas.

Afinal, não haverá bolsões de estacionamento ao redor do estádio. Além disso, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) terá 26 pontos de bloqueio e seis locais de verificação em ruas ao redor do estádio a partir das 10h. A interrupção só terminará às 20h e, nesse período, só podem atravessar o perímetro carros credenciados pela Fifa e 116 veículos de moradores da região – nem mesmo táxis estão autorizados. Ao todo, 2,8 mil carros receberam permissão para estacionar dentro do perímetro de isolamento.

O ponto mais distante da interdição fica a cerca de 3 quilômetros do estádio, na Avenida José Pinheiro Borges. Dali, só mesmo a pé. Também haverá bloqueios em outras vias importantes, como a Radial Leste e a Avenida Itaquera. Uma boa solução é ir de carro até alguma estação de metrô e, de lá, seguir para o estádio.

Mas se não há dúvidas de que ir pelos trilhos é a melhor opção para chegar ao Itaquerão, é preciso conferir com atenção qual será o portão de entrada. Para os setores oeste e sul, o indicado é descer na estação Artur Alvim, da linha vermelha do metrô, e caminhar cerca de 800 metros até o estádio. Já quem tem ingressos para os setores leste e norte deve desembarcar na estação Corinthians/Itaquera da CPTM, da linha coral.

O acesso mais rápido à estação é pelo Expresso da Copa, que sai da Estação da Luz, na região central, e vai sem paradas até Corinthians/Itaquera. O serviço começa a operar 3 horas antes do jogo – o trajeto dura, ao todo, 19 minutos e os trens saem a cada oito minutos. O bilhete custa R$ 3. Em caso de greve dos metroviários, a prefeitura vai acionar emergencialmente o sistema Paese, com ônibus para fazer o mesmo percurso.

AEROPORTOS – Durante a Copa, estará em funcionamento um serviço especial de ônibus entre o Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, e o Itaquerão, com ônibus confortáveis saindo a cada 30 minutos. A passagem custa R$ 36,50 e o percurso leva cerca de uma hora.

Uma opção mais barata para quem desembarcar em Cumbica é o trajeto em ônibus simples, da EMTU, até a estação Tatuapé, da linha vermelha do Metrô, que dá acesso às proximidades do estádio. O preço é R$ 4,45 e o trajeto dura aproximadamente uma hora.

O QUE LEVAR – A Fifa tem uma lista de objetos que não podem ser levados para os estádios da Copa. A famosa e barulhenta vuvuzela do Mundial da África do Sul, por exemplo, está proibida, assim como os demais instrumentos musicais. A caxirola, produzida especialmente para o torneio, está banida.

Objetos volumosos, computadores e tablets também não serão permitidos na revista na entrada, nem guarda-chuvas ou qualquer tipo de comida ou bebida – exceto alimentos para diabéticos. A entidade também não permite a entrada de bandeiras com mastro, além de cartazes, faixas ou qualquer tipo de material promocional com textos preconceituosos ou de propaganda. Fotos e filmagens são liberadas apenas para fins privados e não comerciais.

É importante o torcedor levar poucos pertences para não demorar na revista ou no detector de metais. A Fifa pede ao público que chegue cedo ao estádio justamente em razão desse processo. Assim, ninguém corre o risco de perder nenhum lance dentro de campo.