O São Paulo que enfrentará o Linense neste sábado, no Morumbi, pelo Campeonato Paulista, terá uma formação bastante parecida com a da vitória sobre o São Caetano, na última quarta-feira, no Anacleto Campanella. A única modificação será Denilson, preservado por causa do desgaste excessivo nos jogos, e que sequer será relacionado. Wellington entra em seu lugar.

Desta forma, o time tricolor deve entrar em campo com Rogério Ceni; Douglas, Lúcio, Rafael Toloi e Cortez; Wellington, Maicon, Ganso e Jadson; Osvaldo e Luis Fabiano. A formação mais agressiva é um novo teste de Ney Franco para tentar achar o esquema de jogo ideal para a equipe em 2013; o técnico já mudou diversas vezes a forma de jogar e agora dá chance a Maicon, que vem se destacando nos treinamentos, e Ganso, que deve ganhar uma sequência de partidas para engrenar no time.

Ney não esconde que a primeira fase do Paulistão tem servido como laboratório para definir qual será o padrão de jogo a ser utilizado na Libertadores e tem apoio do elenco para promover as mudanças. A prioridade do técnico é garantir lugar entre os quatro primeiros colocados na primeira fase para ter a vantagem de fazer em casa os jogos da fase de mata-mata.

O São Paulo pode assumir a liderança da competição nesta rodada mesmo tendo um jogo a menos que os rivais. Para isso, precisa bater o Linense (que tem os mesmos 16 pontos da equipe tricolor, mas possui uma vitória a menos) e torcer por pelo menos um empate da Ponte Preta contra o São Bernardo neste domingo, em Campinas.