O forte calor verificado durante a manhã de ontem, na região Norte do Paraná, foi um dos principais adversários dos ciclístas que estão participando da 1.ª Volta Ciclística Internacional do Paraná, que ontem teve sua primeira etapa disputada entre Londrina e Rolândia, num percurso de 167 quilômetros.

No roteiro, Bela Vista do Paraiso, Alvorada do Sul, Porecatu, Sao Martinho e a chegada no calçadao central de Rolandia. Mas pelo caminho, os competidores tiveram que enfrentar ventos laterais, má conservação da estrada e o tráfego pesado dos caminhões típicos de uma região produtora de grãos, como é o caso de Londrina.

Com este cenário, mais da metade dos competidores parou antes mesmo dos 100 Km. “Foi uma prova extremamente difícil. A cada instante tinha alguém parando”, disse o técnico da equipe paranaense DataRo-Adblu, Antonio Hunger.

Apesar dos percalços, a vitória na primeira etapa de estrada da prova ficou com o atleta da equipe Scott/Fadenp/São José dos Campos, Soelito Gohr, que completou o percurso em 4h11min58s, seguido por José Aparecido dos Santos, da Caloi/Suzano e em terceiro Valcemar Silva, da Scott/Fadenp/SãoJosé dos Campos, que vencera o prólogo, na terça-feira.

A Volta Ciclistica do Paraná prossegue hoje com a disputa da segunda etapa entre Londrina e Arapongas, num percurso de 168 km, passando pelas cidades de Rolândia, São Martinho, Jaguapitã, Santa Fé, Astorga e Arapongas.