O aeroporto de Porto Alegre foi o mais rápido em receber as seleções que participam da Copa do Mundo, que começa nesta quinta. De acordo com um ranking elaborado pela Secretaria de Aviação Civil (SAC) obtido pela reportagem, os gaúchos eram, pelo menos até a manhã de quarta, os mais ágeis nos procedimentos de imigração e alfândega. A seleção do Equador, a única a desembarcar por lá, na segunda-feira passada, gastou apenas seis minutos para cumprir as formalidades e ingressar no País.

Os dados compilados pela SAC, que são provisórios porque registram as chegadas só até a manhã desta quarta, quando nem todas as delegações haviam chegado, mostram que outras representações também gastaram pouco tempo com burocracia. A Bélgica, que chegou por Guarulhos, e a Itália, que chegou pelo Galeão, também esperaram os mesmos seis minutos.

Outras delegações não tiveram a mesma sorte. Os camaronenses, rivais do Brasil na próxima segunda-feira, desembarcaram no Galeão e gastaram 40 minutos para passar pela imigração e Receita. Foi o tempo mais longo registrado pela SAC. Por esse desempenho, o aeroporto do Rio ocupa a quinta posição entre sete aeroportos avaliados.

“Meu Galeão está lá atrás”, lamentou o ministro da Aviação Civil, Wellington Moreira Franco, que já foi governador do Rio. Ele explicou que a divulgação do ranking tem por objetivo estimular a competição entre os aeroportos para prestar melhores serviços. O segundo pior tempo foi registrado no aeroporto de Viracopos, em Campinas, concedido à iniciativa privada em 2012. Lá, a delegação da Argélia amargou 35 minutos de fila.

Na média, o tempo gasto pelas seleções foi de 16 minutos para imigração e alfândega – que são, segundo a SAC, as variáveis sob controle do governo. Se, porém, for contado o tempo decorrido desde a

abertura da porta da aeronave, o tempo médio sobe para 31 minutos. Do pouso até a hora em que as delegações saíram do aeroporto, o tempo médio registrado foi de 1 hora e 4 minutos.

Esse, é claro, é o tratamento para grupos vip. Os dados contrastam com os registrados nesta quarta, por exemplo, quando os estrangeiros que chegavam ao aeroporto de Guarulhos relatavam espera de 3 horas para passar pela imigração. Também nesta quarta, o aeroporto de Porto Alegre, líder do ranking, ficou fechado no começo da manhã por causa de nevoeiro.