enkontra.com
Fechar busca

De Letra

Por custo alto, MLS rejeita tecnologia na linha de gol

Sistema já irá aparecer na Copa das Confederações e no Mundial de 2014

A Major League Soccer, a liga norte-americana de futebol, rejeitou utilizar em seus jogos a tecnologia que detecta quando a bola entra no gol. A MLS apontou o alto custo para justificar a recusa em contar com sistemas que já vão aparecer na Copa das Confederações e no Mundial de 2014, ambos no Brasil.

De acordo com o diretor da liga, Don Garber, o “custo é o fator determinante” para a decisão. A declaração contrasta com afirmações do próprio Garber no início do mês. “A MLS está aberta para usar a tecnologia assim que ela estiver disponível”, declarara o diretor.

Apesar do alto custo, a Premier League, da Inglaterra, anunciou há duas semanas que vai adotar a partir da próxima temporada europeia o sistema Hawk-Eye nos estádios dos 20 clubes da primeira divisão ao longo das 380 partidas da competição. Foi a primeira liga a confirmar a utilização da tecnologia.

Em dezembro de 2012, a Fifa passou a utilizar o sistema no Mundial de Clubes, vencido pelo Corinthians. Para a Copa das Confederações, em junho, a entidade já aprovou a tecnologia GoalControl-4D, da companhia GoalControl GmbH. Se for aprovado, o sistema será utilizado também durante a Copa do Mundo do próximo ano.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas