enkontra.com
Fechar busca

De Letra

Por 8 milésimos, Bruno Lins fica fora da semi dos 200m

Bruno Lins ficou a apenas oito milésimos de segundo da semifinal dos 200 metros no Mundial de Moscou na madrugada desta sexta-feira. O brasileiro fez o tempo de 20s60, mesma marca do polonês Karol Zalewski. Ambos ficaram empatados na última posição da zona de classificados e apenas 24 atletas passam à semifinal.

Foi preciso, então, a análise dos milésimos de segundo da corrida. Zalewski fez 20s592 e ganhou a 24ª colocação. Lins, com 20s600, foi o 25º e ficou fora da próxima etapa, que começa às 12h40 (de Brasília) desta sexta.

Aldemir Gomes, em seu primeiro Mundial, também não conseguiu passar à etapa seguinte. Ele fez a marca de 20s73, e ficou em 27º lugar. O jovem velocista do Rio foi advertido antes da largada, por ter se mexido no bloco, apesar de não ter queimado a saída. “Eu ouvi um barulho que achei que fosse o tiro”, afirmou. Os mais rápidos das eliminatórias foram o sul-africano Anaso Jobodwana e o britânico Adam Gemili, com 20s17. Usain Bolt ganhou sua série com facilidade, mas fez apenas o 21º tempo, 20s66.

Os outros dois brasileiros que competiram nesta sexta-feira, antepenúltimo dia do Mundial de Moscou, também não conseguiram seguir na disputa. No lançamento do dardo feminino, Jucilene de Lima foi a penúltima colocada (26º lugar) com a marca de 55,18 metros. A melhor marca foi da russa Maria Abakumova, com 69,09 metros.

No salto triplo, Jefferson Sabino também não obteve sua classificação. Ele foi o 16º, com 16,49 metros, e apenas os 12 melhores vão para a final. O francês Teddy Thamgo, dono do recorde mundial indoor da prova, foi quem saltou mais longe, com 17,41 metros.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas