A prioridade da Ponte Preta, segundo a diretoria e sua comissão técnica, é encontrar um meio-campista. Mas o que ela conseguiu anunciar, nesta segunda-feira, foi o acerto com o lateral-esquerdo Reinaldo, encostado no São Paulo. O goleiro César, emprestado pelo Flamengo, é esperado em Campinas nesta terça para ser o terceiro goleiro inscrito no Campeonato Paulista.

Reinaldo, em princípio, vai ser opção na lateral esquerda, que só tem Gilson como especialista. Ele já atuou no Paulista, de Jundiaí (SP), Penapolense e Sport antes de chegar ao São Paulo, onde atuou por 106 jogos.

Nascido na cidadezinha de Porto Calvo, em Alagoas, ele está com 26 anos, mede 1,78 metros e pesa 79 quilos e era cogitado pelo Ceará, mas acabou na Ponte Preta. Reinaldo, porém, está descartado para o jogo contra o Linense, nesta quarta-feira, na cidade de Lins (SP), pela terceira rodada.

Em 2013, Reinaldo teve 80% dos direitos federativos comprado pelo time do Morumbi e seu contrato vai até 2017. Os detalhes da negociação feita agora não foram revelados, mas o empréstimo seria gratuito com a Ponte Preta assumindo o salário do jogador, em torno de R$ 80 mil.

Situação semelhante a do goleiro César, de 24 anos, que chega após as más atuações de Matheus e João Carlos nos dois primeiros jogos, quando o time campineiro perdeu para o Oeste, por 3 a 1, e depois para o Santos, por 2 a 0. O clube busca um substituto à altura para o ex-titular Marcelo Lomba, que retornou ao Bahia.

Lanterna na classificação geral, a suposta quinta força paulista corre atrás da recuperação com o que tem à disposição do técnico Vinícius Eutrópio. Não houve nenhum dia de folga no carnaval. Para este jogo, ele não terá o zagueiro Gilson, machucado, que deve ser substituído por Jeferson, improvisado porque é lateral-direito. No ataque está confirmada a volta de Wellington Paulista, expulso na primeira rodada – cumpriu a suspensão e promete se redimir.